Ruínas

>> sexta-feira, outubro 07, 2005

Eu ignoro qual é o orçamento da Câmara Municipal de Sintra e quanto teria que ser gasto para recuperar ou dar uso à quantidade imensa de património particular e do Estado que se encontra em ruínas na zona de Sintra, mas parece-me que os edifícios devolutos crescem como cogumelos e cada vez se vêm mais ruínas perdidas pela serra e arredores.

Vem isto a propósito de um pequeno desvio que fiz um dia destes no meu caminho, para ver o que se passava com a Pousada de Juventude de Sta. Eufémia, que tem a indicação cortada com uma cruz, na entrada para o largo da feira de S. Pedro. Quando lá cheguei, confirmei a suspeita de que a Pousada está encerrada.

É um local magnífico, como podem ver pelas imagens. Já há muito que tudo aquilo estava bastante em ruínas, à excepção de umas casas que parece que são utilizadas pelo pessoal do Parque Natural e da Pousada propriamente dita, que aínda parece em bom estado.

Em qualquer outro lugar civilizado, este edifídio seria um procuradíssimo refúgio de montanha, de onde se poderiam iniciar inúmeras actividades. Mesmo em frente à porta da Pousada existe um portão que leva directamente ao Parque da Pena. Porque não abri-lo e fazer ali uma entrada para o Parque? Talvez se houvesse uma ligação entre uma coisa e outra, tudo aquilo tivesse mais procura e animação.

Consta que a CMS adquiriu recentemente a Quinta da Amizade. Trata-se de uma propriedade que está encostada ao Penedo da Amizade, no entanto tornaram o Penedo inacessível por essa via. O Parque das Merendas, que toda a vida foi o acesso privilegiado para o Penedo da Amizade, está agora "recuperado" e deixou de servir como acesso. Não sei porquê, mas desconfio que a Quinta da Amizade não vai ser lá muito aproveitada.
Há tantas associações na zona de Sintra que podiam usufruir destes espaços e está tudo a encerrar ou a caír aos bocados.
A Pousada dava, por exemplo, um óptimo refúgio de montanha, como os há às dúzias por esse mundo fora, em lugares muito mais inacessíveis do que este, com espaço para se fazer um luxuoso centro de formação para desportos de montanha. Querem contactos?
Federação Portuguesa de Montanhismo e Escalada
Grupo de Montanha e Escalada de Sintra
Associação Desnivel (parece-me que têm um centro de formação no papel, mas aos caídos em termos de instalações)




Entretanto, já com este desgosto nos olhos, segui viagem até uma outra ruína onde passo frequentemente, como se fosse um local de culto. As 2 fotos que apresento aqui foram tiradas no mesmo lugar. A vista sobre a serra é de cortar a respiração. A ruína que sínda se pode aqui ver será pó dentro de pouco tempo. Pergunto-me muitas vezes o que faz um proprietário manter a posse de um terreno destes sem o utilizar ou vender. É precisa muita teimosia ou estupidez. A zona de Sintra está cheia de uma e de outra.



Apesar do estado calamitoso, são 2 lugares que vale a pena visitar. O primeiro sabem como lá ir, é só subir para Santa Eufémia e virar à direita onde está aínda a indicação da Pousada de Juventude. O segundo fica para mim. É um secret spot.

Descubram-nos.

ZM

6 comments:

Ahraht 10/07/2005 10:12 da tarde  

A malta do 1º curso à espera em Montejunto e o Sr. ZM a passear-se entre ruínas...

isto está lindo está.

Aquele abraço

Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras 10/08/2005 10:08 da tarde  

DE facto é de uma enorme tristeza as ruínas que povoam Sintra.São tantas...reconheço as que ilustrou mas sei que há mais que podiam estar neste portfólio de abandono.
Deu soluções geniais...e concerteza haverá outras tantas, mas que podemos fazer? Como meter mãos à obra e corrigir?

JLnm 10/09/2005 3:09 da tarde  

não consegui descobrir o seu mail.... tenho algumas curiosidades e fotos do interior da casa do cipreste... é de um amigo meu!!! se estiver interessado, mande-me um mail!!!

queira depois de ler este comment apagá-lo... obrigado e um abc

José Luís

luisa lourenço 10/10/2005 4:10 da tarde  

Gostei muito deste teu post, porque penso exactamente da mesma maneira... A solução para a Serra de Sintra é dar-lhe vida, recuperar as edificações em ruínas, e de grande valor patrimonial, e ceder algum espaço a associações ligadas ao ambiente, ao deporto e aos tempos livres, de modo a que haja um disfrute harmonioso da serra. Tenho a certeza de que a recuperação do património vegetal se seguiria...
Haja esperança e, quanto às associações, há que fazer propostas à Câmara Municipal.

João Sousa 10/10/2005 7:50 da tarde  

http://www.vectorfly.com/forum/

Azenhas 10/12/2005 1:18 da tarde  

Fica aqui bem perto não é amigo ZM? Passei perto de jipe um dia destes.
Grandes fotos e grandes espaços.
Cada vez gosto mais de te ler.

Enviar um comentário

Sobre este blog

Somos Sintrenses por adopção, daí o frequente interesse por temas relacionados com Sintra. Actualmente, vivemos na ilha Terceira, nos Açores, mais propriamente na cidade de Angra do Heroísmo, o que transformou este blog, de alguma forma, num canal privilegiado para ir dando a conhecer como é a vida no meio do Atlântico.

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP