Prémio Secil 2006

>> sábado, março 24, 2007

O arquitecto Português Álvaro Siza Vieira foi galardoado com o Prémio Secil Arquitectura 2006 com o Complexo Desportivo Ribera Serrallo, em Cornella de Llobregat, Barcelona.
O Fernando Guerra, nesta reportagem fotográfica ganhou o prémio Secil Fotografia 2007 :-)
Senão reparem:



Não conheço grandes detalhes do projecto, mas o que as imagens do Fernando apresentam é um poema de betão.



A piscina aparenta ter sido o conteúdo de uma bolha de betão que rebentou por aquele vão magnifico que liga o exterior e o interior, como se a parte de fora tivesse literalmente escorrido de dentro do edifício.



Esta é, para mim, uma das melhores fotografias de Fernando Guerra de todos os tempos. Pergunto-me como é possível ele ter apanhado um nadador nesta posição, exactamente sob o feixe de luz de uma das janelas zenitais, com os chinelos atrás, com as pernas mergulhadas naquela posição, conduzindo o nosso olhar para o líquido.



Aqui o fotógrafo centra-se uma vez mais no tal vão que é o pólo da tensão entre o interior e o exterior. Só um arquitecto poderia dar tanta atenção a este "detalhe". E poucos arquitectos para além de Siza poderiam ter desenhado um edifício tão extraordinário.



No exterior, o edifício lançou um braço, tentando conter a fuga da piscina. Cá fora tudo tem um ar mais estável, como se este abraço tivesse resultado, evitando que a piscina se espraiasse mais, diluindo-se de vez numa charca que se evaporaria rapidamente. Foi conseguido um equilíbrio que, visto do interior, parecia impossível.

Um arquitecto e um fotógrafo, ambos com provas dadas. O resultado é irrepreensível. Há mais do que um Portugal, mas este, que é o que interessa, deixa-nos orgulhosos em qualquer lugar do mundo. Tomara que estes exemplos despertassem mais admiração e devoção do que, como habitualmente, inveja e maledicência.

ZM

9 comments:

Rebel Alliance 3/24/2007 10:48 da tarde  

o "sr. Álvaro" está cada vez melhor!
Grande abraço

Nana 3/26/2007 8:26 da manhã  

Em todo o caso, também eu jà ia dar uma banhoca nessa piscina !!!

Beijocas !

Alexandra 3/26/2007 2:27 da tarde  

«Há mais do que um Portugal» - gostei da frase e concordo; vejamo-nos por esse prisma, sigamos essa bitola

daniel 3/27/2007 10:29 da tarde  

Curiosa a tua expressão "um poema de betão". Tinha-me ocorrido a ideia de uma "sinfonia em betão armado" quando vi as fotografias do Fernando - mas desta vez o pudor impediu-me de dissertações mais líricas. :)
Passaste-me a perna!
Abraço e bom blogue.

Anónimo,  3/28/2007 9:38 da manhã  

De MA para ZM. Belas imagens Boa prosa.

Parabéns

NS 4/05/2007 11:13 da tarde  

Muito bom.. Tinha visto a notícia na revista de arquitectura da máxima e lembrei-me logo de vir aqui saber mais detalhes..

E encontrei..

Margot 4/07/2007 9:04 da manhã  

Muito, muito bonito. De facto não há melhor expressão para o descrever do que é "um poema de betão". :)
Abraço

lagarto 4/07/2007 10:00 da manhã  

Um espanto a relação do espaço interior com a envolvência exterior.. Um mérito para o arquitecto e para fotógrafo: portugueses, concerteza!

Anónimo,  9/05/2007 6:35 da tarde  

um olhar poetico sobre uma arquitectura que faz a vida como poesia

Enviar um comentário

Sobre este blog

Somos Sintrenses por adopção, daí o frequente interesse por temas relacionados com Sintra. Actualmente, vivemos na ilha Terceira, nos Açores, mais propriamente na cidade de Angra do Heroísmo, o que transformou este blog, de alguma forma, num canal privilegiado para ir dando a conhecer como é a vida no meio do Atlântico.

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP