Radar

>> quarta-feira, novembro 23, 2005

Hoje trago mais uma proposta "cultural".
Cá em casa somos viciados em rádio. Mesmo quando não está ninguém em casa, a telefonia toca para os gatos. Só se cala mesmo durante a noite.
Um dos postos favoritos é a TSF, sobretudo por falta de alternativa. Dantes tínhamos a Voxx, mas chegava à nosso zona em péssimas condições e a programação era por vezes tão maçadora como os inúmeros fóruns da TSF.
De há uns tempos a esta parte, começámos a ouvir no carro a Radar. Este posto foi, pouco a pouco, conquistando o seu lugar e há dias descobri que nos nossos vetustos aparelhos de selecção por rodinha e ponteiro conseguíamos apanhar a Radar dentro de casa! De marcador em punho, marquei com muito rigor o alegre lugar do ponteiro, para não voltar a perde-lo.
A Radar é dirigida aos que foram adolescentes (tardios, no meu caso), na década de 80. É uma delícia ouvir na rádio as mesmas músicas que temos nos CD's.
Importante: é em 97.8MHz e emite com potência suficiente para chegar a Sintra em condições.
Se for caso disso, passem por lá e depois digam qualquer coisa.
ZM

5 comments:

daniel 11/24/2005 8:57 da manhã  

Finalmente converteste-te.

Vai-te preparando para os anúncio do pagapouco.

Cuidado, pois 97,8 Mhz é também a frequência da RADIOESTE.

Desconhecida 11/24/2005 8:08 da tarde  

Ah finalmente...mas na minha opinião chegaste tarde. Começei a ouvir a Radar há uns 3 anos e, era a melhor rádio que andava aí, a par com a Oxigénio. Neste momento acho que a Radar estagnou. Gosto de ouvir à noite o programa "Vinte anos" aí sim, dá música mto boa que ouvia na minha adolescência.

Beijinhos

Mica 11/26/2005 7:44 da tarde  

Caro amigo, dé uma vista de olhos pelo meu blog. Obrigado

luisa lourenço 11/29/2005 7:56 da tarde  

Durante a estopada que apanho na IC19 nas idas e vindas do trabalho vale-me a Radar para arejar a cabeça. Ao final do dia o programa Radar 20 anos faz-me sorrir (às vezes deito uma lágrimazita também ... :) )com as recordações da minha adolescência.

Embora considere que a Radar é uma rádio excepcional, concordo com a desconhecida (Sabes o nome dela?). Parece-me que estagnou um pouco. Continua no entanto, para mim pelo menos, a ser a melhor rádio que temos em termos de divulgação musical em vários géneros musicais: Rock, PoP, Electrónica.

Não oiço a Oxigénio, mas há uns anos atrás, quando a Radar surgiu, ouvia muito a Marginal, que após o desaparecimento da Voxx era para mim a melhor rádio alternativa. Em música electrónica, Rock (aqui a Marginal batia a Voxx aos pontos) e era a principal (e creio que a primeira) a divulgar música reggae (A família-fazuma começou na Marginal).

Mas o tempo é outro. A Marginal tornou-se em algo completamente diferente, raramente oiço. Existem alguns programas de autor interessantes na Antena3. Mas os meus hábitos são a TSF e Antena 1 para a lufalufa do dia-a-dia, a Antena 2 e Clássica FM para quando o chefe me massacra a cabeça e a Radar para encher de Rock as minhas veias.

Bom Zé ... se calhar exagerei ... no passa nada, como dizem por aqui onde estou.

Um Abraço,
Ricardo

Sara MM 12/07/2005 4:53 da tarde  

Tb gosto... mas cá em casa só mesmo com antena de rádio no telhado, e ainda não pusémos... no carro, perdi o código do rádio e por isso só mesmo motorFM :o(

BJS
PS- já te respondi lá nas oliveiras ;o)

Enviar um comentário

Sobre este blog

Somos Sintrenses por adopção, daí o frequente interesse por temas relacionados com Sintra. Actualmente, vivemos na ilha Terceira, nos Açores, mais propriamente na cidade de Angra do Heroísmo, o que transformou este blog, de alguma forma, num canal privilegiado para ir dando a conhecer como é a vida no meio do Atlântico.

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP