Árvore

>> quarta-feira, Maio 02, 2012

Há dias estive em Lisboa de fugida. O que lá fui fazer correu mal, mas acabei por perceber a razão porque o cosmos me encaminhou para ali. Foram três dias de contacto com o meu amigo, sócio e afilhado de casamento, e respectiva família, que se encarregaram de me provar que a minha viagem não tinha sido em vão.
Cada vez mais acredito que muitas das coisas que nos correm menos bem na vida (ou correm mesmo mal de todo) têm, nalguma perspectiva, um lado positivo. Desta vez, o que poderia ter sido uma viagem à senhora da asneira, revelou-se afinal um curto descanso que me fez regressar à Terceira muito preenchido e enriquecido de boas conversas e memórias.
Esta é uma das imagens que trouxe na máquina, as outras trouxe-as no coração.
Foi feita de encomenda para a minha mulher. Ela gosta de árvores, e eu vejo ainda neste pequeno sobreiro um coração verde no musgo e, se não se incomodarem com a ousadia, vejo também uma sugestão de púbis feminino. Tudo boas razões para recolher a imagem e oferecê-la à minha amada. Tenham paciência, que hoje deu-me para o sentimento :-)


Enviar um comentário

Sobre este blog

Somos Sintrenses por adopção, daí o frequente interesse por temas relacionados com Sintra. Actualmente, vivemos na ilha Terceira, nos Açores, mais propriamente na cidade de Angra do Heroísmo, o que transformou este blog, de alguma forma, num canal privilegiado para ir dando a conhecer como é a vida no meio do Atlântico.

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP