A verdadeira felicidade

>> quinta-feira, Junho 12, 2008



21 minutos que valem uma vida.
Este TED é inspirador.
Bom fim-de-semana para todos os meus caríssimos leitores.
ZM

6 comments:

Guess Who 6/12/2008 4:09 da tarde  

Marx teria gostado ...

tiago borges 6/12/2008 8:34 da tarde  

21 minutos do meu dia bem empregues.

(aparte: gosto de oradores que sabem falar... e não é fácil encontrá-los)

Zepa,  6/15/2008 3:29 da manhã  

Fui eu que percebi mal, ou no último minuto ele estragou tudo?
É que se ele diz que o livre arbítrio leva a que sejamos infelizes, então está a defender que não o tenhamos... ou que sejamos infelizes!

zm 6/15/2008 7:45 da tarde  

Eu acho que a moral da história não é a de que é preferível não termos escolha, mas sim que devemos habituar-nos a aceitar melhor as escolhas que fazemos.
Ter liberdade e podermos fazer escolhas pode fazer-nos infelizes, mas apenas se não compreendermos que uma vez feita uma escolha, mais vale não voltarmos a sofrer pelas opções que "perdemos".

pedro macieira 6/16/2008 2:08 da tarde  

Ultimamente com alguns problemas informáticos lá por casa, não tenho tido possibilidade de intervir com muitos comentários.
Não sendo o tema do post, aproveito para te justificar melhor, que a minha intervenção sobre a urbanização de Monte Santos, não vai no sentido critico ao projecto em si,mas pela necessidade de preservar esta Sintra verde, dos avanços cruéis do betão, mesmo que isso torne impraticável alguns bons projectos de arquitectura na nossa terra.

E nós sabemos bem, que esta atitude, não vai ser seguida pelos poder autárquico, e pelos poderosos lobbies da construção civil...mas é necessário que haja algumas vozes que mostrem outros caminhos, e soluções para uma melhor qualidade de vida por estes lados.

Um abraço

Zepa,  6/20/2008 12:44 da manhã  

Essa é a moral da história interpretada pela cabeça de um optimista (confesso que eu próprio também fiz essa interpretação...além da outra).
Mas confesso que, se calhar por ser um "homem de leis", acho que o que se diz (e se escreve, embora não seja aqui o caso) deve ter apenas uma interpretação possível; é bom de ver porquê!
Grandes Abraços,

Enviar um comentário

Sobre este blog

Somos Sintrenses por adopção, daí o frequente interesse por temas relacionados com Sintra. Actualmente, vivemos na ilha Terceira, nos Açores, mais propriamente na cidade de Angra do Heroísmo, o que transformou este blog, de alguma forma, num canal privilegiado para ir dando a conhecer como é a vida no meio do Atlântico.

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP